Domingo, 6 de Novembro de 2011

Criei laços...

Escrito por Rosinda às 20:55
link do post | comentar | favorito
|
16 comentários:
De (in)perfeita a 7 de Novembro de 2011 às 00:45
Mesmo nas ausências longas há laços que nunca se desfazem. Uma amizade verdadeira resiste ao tempo. Li que já foste operada e correu bem, Fiquei feliz por ti, porque tinhas muito medo.
Tenho andado afastada daqui, não só pelo trabalho, mas porque não sinto vontade de falar, escrever... porque a depressão não foi embora, ficou comigo e ficará mais uns tempos. Apetece-me isolar, estar só. Preciso actualizar o blog e tentarei fazê-lo amanhã. Mas de quando em vez passo e não podia deixar estas tuas palavras sem resposta.
Um grande abraço
Sara
De DyDa/Flordeliz a 7 de Novembro de 2011 às 01:17
Olá Sara!
Viva Rosinda!

Hoje falo às duas ao mesmo tempo, porque não?

À primeira envio um miminho por a encontrar frágil mas ainda lutadora e com garra para vir apoiar outros que pensa precisarem da sua ajuda.

À segunda espero que os laços continuem bem atados, significa que ficaram aqueles que são verdadeiros.
Dos outros guarda apenas a recordação dos momentos felizes, os outros, arquiva-os em local de difícil acesso.

Facil falar, não é?
Pois!...

Beijos às duas.
Felicidades




De Rosinda a 7 de Novembro de 2011 às 15:12
Amiga Flor, obrigada por estares aí, sempre presente e apertando a cada dia, um pouco mais o nosso laço de amizade.
Beijinho
Rosinda
De Rosinda a 7 de Novembro de 2011 às 15:03
Sara... É bom ver-te por aqui, ter notícias tuas...
Não deixes que a depressão se instale, tenta conversar e apoiar-te nos amigos. Estar a sós por vezes é necessário, mas estar só, é diferente...
Sim estou praticamente recuperada da cirurgia, a ver vamos dia 17 se não há nada com o que me retiraram... mas estou tranquila, pelo que a médica me disse.
Um beijinho grande
Rosinda
De geriatriaaminhavida a 7 de Novembro de 2011 às 08:59
Bonito poema.
Criamos laços ao longo da vida...uns partem-se outros ficam mais fortes. Grande beijinho
De Rosinda a 7 de Novembro de 2011 às 15:04
É verdade, mas por vezes não tão fortes como desejaríamos...
Beijinho
Rosinda
De luadoceu a 7 de Novembro de 2011 às 13:59
amiga
nao somos seres isolados, as vezes ate nos pode fazer falta, um pouco estarmos sos connosco mesmo, mas precisamos conviver, logo criar laços e bem hajam aquelas pessoas afortunadas que teem amigos de verdade e que perduram uma vida inteira
Deus permita que pelo menos os nossos laços perdurem o tempo em que ambas nao nos candemos uma da outra...))
um grde beijinho e continuaçao de recuperaçao..desejo te muita força,saude para continuares junto aos teus e a nos
gostei muito
beijinhos
De Rosinda a 7 de Novembro de 2011 às 15:06
Existirão sempre laços, alguns um pouco froxos e lassos.... mas como dizes, nós humanos precisamos de afecto e de convivio.
Beijinho
Rosinda
De Marta M a 7 de Novembro de 2011 às 14:46
"Criar laços (muito lassos)" começa a parecer o destino de muita gente.
Como te entendo Rosinda, como...
Bom voltar a ler-te amiga.
E recuperada, sente-se :)
Abraço
Marta M
De Rosinda a 7 de Novembro de 2011 às 15:09
Obrigada Marta.
Sim, estou bem melhor... claro que, completamente descansada só dia 17, mas estou bem, felizmente.
Os laços minha amiga, são cada vez mais lassos, porque vivemos numa era de muito egoísmo...
Um beijinho grande
Rosinda
De miilay a 7 de Novembro de 2011 às 15:44
Rosinda como gostei de ler o teu poema, Parabéns.
Um abraço
miilay
De Rosinda a 7 de Novembro de 2011 às 15:53
Obrigada Miilay.
Uma boa semana para ti.
Beijinho
Rosinda
De onda_azul a 7 de Novembro de 2011 às 21:02
Olá Gostei muito do que escreveste, apesar de ter um lado bastante triste. Na vida temos de criar muito laços que nos unam a coisas e sentimentos profundos

Beijinhos
De Rosinda a 7 de Novembro de 2011 às 22:13
Obrigada ...
É verdade mas os laços quebram, mais vezes que o que eu desejaria...
Um beijinho
Rosinda
De onda_azul a 7 de Novembro de 2011 às 22:39
É verdade, a vida é mesmo assim cheia de laços quebrados...

Beijinhos
De MIGUXA a 11 de Novembro de 2011 às 22:36
Doce Rosinda,

Lindos os teus versos sobre os laços que nos unem e que, por vezes, sentimos não corresponderem às nossas expectativas, deixando-nos de coração vazio, abalado...

A vida é assim mesmo mas, estou certa que tens muitos amigos, que te querem de verdade, e que te não esquecem, ainda que por, vezes,se ausentem...

Beijinhos com carinho
Rápidas melhoras
Tua amiga do coração
Margarida

Comentar post

.free glitter text and family website at FamilyLobby.com

.pesquisar

 

hospedagem
hospedagem

.Versinhos recentes

. Um dia diferente...

. Tal como as árvores; "Mor...

. Feliz Páscoa

. Tu, só tu, meu amor...

. Não sou poeta...

. (Escrito em 2010) Carta p...

. (Escrito em 2010) Mascara...

. Solidão

. (Escrito em 2010) Tempo.....

. (Escrito em 2010) Mil e u...

.Arquivos

. Dezembro 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Janeiro 2013

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

.Outros blogs meus








Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons.
Based on a work at poesiaerosas.blogs.sapo.pt.
As imagens deste blog são na sua maioria retiradas da Internet

.Dezembro 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.tags

. todas as tags

blogs SAPO

.subscrever feeds