Terça-feira, 5 de Janeiro de 2010

ALMA MINHA...

                

Quisera que fosses alma minha

livre de dor e de pesar.

Magoada por amor em conflito,

sabes ainda o que é amar...

 

Calas no meu peito este grito,

ó alma minha... ferida de morte!

Quis somente viver,

e para isso lutei, mas tão má sorte...

 

A vida me feriu até desfalecer

e o grito é agora somente

um leve suspirar...

e vou então morrendo lentamente...

Alma minha...

Deixaste há muito de sonhar.

 

Alma minha...

Deixaste em mim este esgar de dor,

este olhar triste, sombrio, apagado...

Esta saudade tremenda do amor...

Aquele amor que me foi negado.

 

(Rosinda)

 

 

Escrito por Rosinda às 16:03
link do post | comentar | ver comentários (8) | favorito
|

.free glitter text and family website at FamilyLobby.com

.pesquisar

 

hospedagem
hospedagem

.Versinhos recentes

. ALMA MINHA...

.Arquivos

. Dezembro 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Janeiro 2013

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

.Outros blogs meus








Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons.
Based on a work at poesiaerosas.blogs.sapo.pt.
As imagens deste blog são na sua maioria retiradas da Internet

.Dezembro 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.tags

. todas as tags

blogs SAPO

.subscrever feeds