Domingo, 11 de Setembro de 2011

Murmurar teu nome...

 

Escrito por Rosinda às 11:55
link do post | comentar | ver comentários (13) | favorito
|
Quarta-feira, 31 de Agosto de 2011

Sede


Escrito por Rosinda às 22:25
link do post | comentar | ver comentários (15) | favorito
|
Quarta-feira, 25 de Maio de 2011

Foi sonho de amor...

Escrito por Rosinda às 20:34
link do post | comentar | ver comentários (21) | favorito
|
Sexta-feira, 10 de Dezembro de 2010

Sonho de poeta, O amor...

 

 

 

Ser poeta é sonhar acordada,

ver magia em cada nada.

Acordar de madrugada e pensar:

Aquilo que eu vivi,

será algo que perdi,

com vontade de ganhar?

Vivendo só para ti,

em tanto me dividi..

e onde deixei, o estar...?

Perdi-me em tal agonia

desencontrei-me de mim,

Ou então serei poeta,

em busca de um sonho lindo,

onde o amor não é pateta...

E olha p'ra mim sorrindo?

E choro em meu acordar

de flores e jasmim,

Quisera um dia encontrar

Alguém para eu amar,

sem nunca esquecer de mim...

Voo nas asas do tempo,

de um amor desconhecido...

Se te tive, não te tenho...

Andas tu de mim perdido.

Ai como o poeta é triste,

sonha um amor eterno...

e esse amor não existe.

 

Rosinda

 

Escrito por Rosinda às 23:49
link do post | comentar | ver comentários (8) | favorito
|
Sábado, 6 de Novembro de 2010

Cadeia de Amizade

 

Em ponto cadeia, meu sorriso bordei.

E meu sorriso bordado,

por tantos eu espalhei.

E em linho delicado,

mas bem forte e resistente,

bordaram-se outros sorrisos

sorrisos de muita gente...

E ao ponto de cadeia,

juntou-se o ponto de cruz

Porque alguém teve a ideia,

de ao sorriso trazer luz.

depois veio de feição.

o belo pé de flor

Bordando sorriso lindo...

sorriso feito de amor.

E veio o ponto cheio

Carregado de ilusão,

tirando todo o receio 

Preenchendo o coração.

E até o ponto espinha

deu a sua picadela

Eu julguei que ele não vinha,

Mas alegrou esta tela

E ficou este bordado

em tela de gratidão,

de sorriso entrelaçado

de amizade e união.

Que haja agora a coragem

continuando a bordar...

de sorrisos, a imagem

e a vontade de abraçar.

este sonho de vontades

de Amizade espalhar...

Criando um bordado lindo

de sentimento e cor

de sentimento infindo

De AMIZADE E AMOR...

 

Rosinda

 

 

Versinhos dedicados a todos os amigos (as)

Bom fim de semana!

Escrito por Rosinda às 08:44
link do post | comentar | ver comentários (18) | favorito
|
Quinta-feira, 6 de Maio de 2010

VOAR...

 

 

Deixa-me voar... bem perto do céu

Quero ver um arco-íris de perto,

Não quero saber se é o certo

Não... não digas, o mundo não é só teu...

Aquele arco-íris pode ser meu...

E o mar quando me embala,

com as ondas a bater...

Parece estar a dizer... voa... vai...

E depois ouço a lua que está lá longe brilhando...

Que fazes? Anda... o tempo está a passar...

Não ouvis-te a voz do mar?

E vem a longa madrugada...

Sorrateira mui calada,

só ela não me diz nada.

Rompe o sol pela manhã e diz:

A tua espera é vã... vá...! Toca a caminhar...

Assim tu não és feliz...

Que te impede de voar?

Meio a medo, dei um passo...

Trémula de comoção...

Á Esperança dei um abraço,

Vou voar, livre no sonho...

Que me enche o coração...

Lá longe... vejo muitas cores!

Deve ser o arco-íris , o meu...

Sinto o cheiro de flores,

no sonho de meus amores...

Estou tão pertinho do céu...

 

Rosinda 

Escrito por Rosinda às 23:40
link do post | comentar | ver comentários (6) | favorito
|
Terça-feira, 23 de Março de 2010

UM SONHO MAIS LINDO SONHEI

tubes paysages / mystiques

Construo castelos de sonhos e fantasia,

de emoções e sentimento...

Tenho alma de poeta e sinto com nostalgia...

Que os meus castelos de sonhos...

Estão suspensos no ar e movidos pelo vento.

Mas nada posso fazer,

O sonho a vida comanda... já dizia o poeta.

Decepções, desencantos, venha lá o que vier 

Irei sempre acreditar nos meus sonhos de pateta...

Talvez que em parte incerta...

Bem escondidinho no céu...

Haja uma porta aberta,

Para um castelo que é meu.

 

Rosinda

Escrito por Rosinda às 11:30
link do post | comentar | ver comentários (7) | favorito
|
Segunda-feira, 15 de Fevereiro de 2010

SOMBRA DE NÓS...

Lixo... muito lixo amontoado,

Ocupado espaço, contando uma história...

É lixo assim o meu passado,

Somos sombra de nada ...

Que só em mim deixou memória...

São folhas mortas,

Asas de sonho agonizando...

Pássaro ferido de morte,

Livro de vida que se foi rasgando...

Deitado ao lixo abandonado à sorte!

Ai como mentem as palavras...

Mal sentidas e ditas por dizer...

Semeiam a terra, lavram...

Colhem, e depois...? Deixam-na morrer!

Tenho que sair deste buraco fundo...

Destas modorras... e algo fazer,

Desfazer-me deste lixo imundo...

Sem ter medo de até a sombra de nós... perder.

 

(Rosinda)

 

Escrito por Rosinda às 19:04
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|

.free glitter text and family website at FamilyLobby.com

.pesquisar

 

hospedagem
hospedagem

.Versinhos recentes

. Murmurar teu nome...

. Sede

. Foi sonho de amor...

. Sonho de poeta, O amor...

. Cadeia de Amizade

. VOAR...

. UM SONHO MAIS LINDO SONHE...

. SOMBRA DE NÓS...

.Arquivos

. Dezembro 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Janeiro 2013

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

.Outros blogs meus








Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons.
Based on a work at poesiaerosas.blogs.sapo.pt.
As imagens deste blog são na sua maioria retiradas da Internet

.Dezembro 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.tags

. todas as tags

blogs SAPO

.subscrever feeds